A Segurança Pública como Prevenção

O tema da segurança pública integra a agenda política de nossa época e precisa ser tratado a partir de uma abordagem capaz de superar as receitas tradicionais oferecidas, à direita, pela ‘hipótese repressiva’ e, à esquerda, pela idéia simplificadora segundo a qual crime e violência são fenômenos secundários e redutíveis às condições sociais de injustiça e pobreza. Para a definição de uma política eficaz devemos partir de um diagnóstico competente – o que não é o mesmo que recolher dados de registros de ocorrências policiais. Grande parte dos crimes, notadamente os homicídios e os crimes contra o patrimônio podem ser significativamente reduzidos com iniciativas que eliminem as oportunidades e os agenciamentos que os viabilizam. Os municípios possuem um papel decisivo na construção deste caminho. Leia o texto completo no documento PDF em anexo.

Posts relacionados