Mulheres invisíveis

Abro a coluna, hoje, dia 8 de março, para a palavra de uma mulher cuja caminhada acompanho há 25 anos, Preta Mulazzani. Eu a conheci no movimento da luta antimanicomial, nos debates sobre a reforma psiquiátrica, e testemunhei, nos últimos anos, o belo trabalho que ela realizou em Alegrete, ao lado do ex-prefeito Erasmo Guterres...

Reflexo condicionado

Qual é o caminho, então, para reduzirmos os crimes sexuais? Duas circunstâncias podem fazer diferença: a certeza da punição e uma mudança geral no padrão de relações abusivas e desrespeitosas com as mulheres O médico russo Ivan Pavlov entrou para a história quando descobriu que determinadas reações fisiológicas e psicológicas poderiam ser produzidas ou removidas por condicionamentos. Chamou tais reações de “reflexos condicionados”. Lembro de Pavlov cada vez que vejo pessoas...

O RELATÓRIO E O ANJO DA HISTÓRIA

Desde o surgimento do primeiro Relatório Azul, em 1994, muitas coisas mudaram no Brasil e no mundo. Em pouco mais de 20 anos, tivemos extraordinárias alterações comportamentais associadas à emergência das novas tecnologias, com destaque para a Internet e os diferentes recursos de comunicação digital[1]. O período foi marcado, também, pelo avanço das ciências em...

LEMBRAR O HORROR, PARA NUNCA MAIS

No filme “Escritores da Liberdade” (Freedom Writers, de 2007, com Hilary Swank), uma jovem e inexperiente professora de uma escola pública em Nova Iorque assume uma turma especialmente problemática, com alunos repetentes e envolvidos em vários conflitos entre gangues.  A história é baseada em fatos reais ocorridos com a professora Erin Gruwell  e seus alunos...

A Casa da Vovó

Na América Latina, vários dos países que viveram períodos ditatoriais alcançaram formas de reparação e responsabilização pelos crimes de violação dos direitos humanos. A Argentina se destaca com mais de 200 condenações pela prática de tortura, assassinato e desaparição de cadáveres. Logo depois, o Chile é o exemplo mais significativo. Uruguai, Paraguai, Equador e Peru...

SOBRE O INTOLERÁVEL

Todo projeto para uma vida que valha a pena ser vivida envolve um limite para o convívio social. Aquilo que, por diferentes razões, nos parece intolerável – e que, por isso, excluímos do respeito à diferença – é conformado culturalmente. Nos Estados laicos, o intolerável é fixado pela lei penal. Nas teocracias, entretanto, esse limite...