Celulares, presídios e evidências

A ampla maioria dos agentes penitenciários jamais vendeu nem venderá celulares em presídios. Pelo contrário, esse contingente está diariamente comprometido com tarefas penosas, sem apoio algum do Estado, em regimes de trabalho sem qualquer racionalidade, segurando cadeias superlotadas com efetivos muito abaixo do que seria o mínimo necessário, em espaços produtores de sofrimento não apenas...

ALRS recebe projeto para Lei da Transparência na Segurança Pública

O Instituto Cidade Segura, ONG que atua na área da Segurança Pública, apresentou, na tarde desta terça-feira (07), à Assembleia Legislativa do RS, projeto sugestão para uma “Projeto de Lei Estadual da Transparência na Segurança Pública.”. A matéria dispõe sobre a transparência ativa dos dados considerados fundamentais para o monitoramento dos indicadores da violência no...

Na linha de tiro

Em qualquer país com democracia consolidada, a polícia vai às ruas não para atirar em manifestantes, mas para garantir seu direito de protesto. Em qualquer civilização democrática, aliás, há magistrados capazes de reconhecer o direito das vítimas da violência estatal e de obrigar as polícias a cumprir sua missão de proteger as pessoas.  Quando tudo...